RESENHA: THE HEART OF BETRAYAL

08:00


Editora: DarkSide Books
Autor: Mary E. Pearson
Série: Crônicas de amor e ódio, livro 02
Páginas: 402
Estrelas: ⭐⭐⭐⭐

Em The Heart of Betrayal — Crônicas de Amor e Ódio v.2, Lia e Rafe estão presos no reino barbárico de Venda e têm poucas chances de escapar. Desesperado para salvar a vida da princesa, Kaden revelou ao Vendan Komizar que Lia tem um dom poderoso, fazendo crescer o interesse do Komizar por ela.
Enquanto isso, as linhas de amor e ódio vão se definindo. Todos mentiram. Rafe, Kaden e Lia esconderam segredos, mas a bondade ainda habita o coração até dos personagens mais sombrios. E os Vendans, que Lia sempre pensou serem selvagens, desconstroem os preconceitos da princesa, que agora cria uma aliança inesperada com eles. Lutando com sua alta educação, seu dom e sua percepção sobre si mesma, Lia precisa fazer escolhas poderosas que vão afetar profundamente sua família... e seu próprio destino.

Essa resenha contém spoilers do livro anterior, The Kiss of Deception, e para conferir a resenha desse primeiro volume é só clicar aqui.

Uma das continuações mais esperadas da minha lista, cujo primeiro livro foi um de meus favoritos no ano passado. “The Heart of Betrayal” é uma sequência poderosa, que expande o universo de Mary E. Pearson e nos mostra que não há regras quando se luta pela sobrevivência.



Partindo exatamente do ponto onde termina “The Kiss of Deception” vemos Lia e Rafe entrando em território inimigo. Esse volume vai focar inteiramente no misterioso Reino de Venda, sua história, nos clãs que o habitam e principalmente, no governo do Komizar. Cruel, calculista e de sangue frio, o Komizar foi um vilão que soube utilizar com inteligência a presença de Lia em sua corte, mesmo que nem tudo tenha saído como previsto.

Eu amei a Lia nesse livro! Suas atitudes, seus pensamentos e especialmente, sua força de vontade. Ela sabia o que precisava ser feito e não hesitou em fazer escolhas difíceis para sobreviver, sem queixas nem choramingos; uma personagem que foi bem desenvolvida e digna de admiração. É aqui também que seu dom aflora e ela passa a utilizá-lo cada vez mais, permitindo que a guie pelo caminho certo. Pelo período de tempo que passa ali, Lia acaba por conhecer melhor o povo vendano e seus costumes, e acaba por ver que estava enganada quanto tudo que havia escutado sobre essa terra, fora a conexão forte que sente pelo local e pelas pessoas.



Temos um grande enfoque no passado de Kaden e descobrimos tudo que o levou a se tornar o Assassino. Seu apreço por Lia é enorme, mas sua lealdade está para/com o Komizar e Venda, causando conflitos entre eles. Por outro lado, Rafe e Lia se aproximam cada vez mais, apesar das traições que ambos sofreram. É bonito ver a importância que um tem para o outro, e os riscos que correm para protegerem quem amam. Quanto ao triângulo amoroso, creio que esse livro esclarece que na realidade, nunca houve um triângulo. Podemos ver com quem reside o amor de Lia, enquanto com o outro há somente carinho e preocupação. Fico feliz que seja exatamente o shipp pelo qual estava torcendo.

Único ponto que me incomodou foi o andamento da narrativa. A primeira metade foi muito lenta e senti que não aconteceu muita coisa nesse livro. Aqui não prevalece a ação, e sim jogos mentais, política e muita, MUITA traição (como diz o título “Betrayal”).

Ao todo, essa é uma sequência forte para um primeiro volume excelente, que apesar de ter algumas fraquezas, seus pontos fortes os superam tremendamente. E com um cliffhanger de te fazer roer todas as unhas.

Comente aqui um livro com tantas reviravoltas que te deixaram desnorteado.

Até a próxima,

You Might Also Like

1 comentários

  1. AMEI O POST! Como eu disse na minha resenha, gostei muito do fato de a autora ter explorado mais a parte fantástica da história! A Lia, na minha opinião, continua a garota destemida que corre atrás do que acredita! Amei! *-*

    Abraços.
    Alex, do Um Bookaholic. <3

    umbookaholic.com | Canal | @umbookaholic: Twitter | Instagram

    ResponderExcluir