RESENHA: INFINITO + UM

08:00



Editora: Verus Editora
Autor: Amy Harmon
Páginas: 336
Estrelas: 4/5
"Quando duas pessoas se tornam aliadas improváveis e foras da lei quase sem querer, como podem vencer todos os desafios?Bonnie Rae Shelby é uma estrela da música. Ela é rica, linda e incrivelmente famosa. E quer morrer.Finn Clyde é um zé-ninguém. Ele é sensível, brilhante e absurdamente cínico. E tudo o que ele quer é uma chance na vida.Estranhas circunstâncias juntam o garoto que quer esquecer o passado e a garota que não consegue enfrentar o futuro. Tendo o mundo contra eles, esses dois jovens, tão diferentes um do outro, embarcam numa viagem alucinante que não só vai mudar a vida de ambos, como pode até lhes custar a vida.Infinito + um é uma história sobre fama e fortuna, sobre privilégios e injustiças, sobre encontrar um amigo por trás da máscara de um estranho — e sobre descobrir o amor nos lugares mais inusitados."

O clássico casal Bonnie e Clyde formaram uma inspiração gloriosa para Amy Harmon e Bonnie & Finn.

Em Infinito + um, Bonnie é uma estrela country que, após perder a irmã, surta e foge, e durante essa fuga e uma má decisão, ela conhece Finn Clyde, um jovem inteligente e obcecado por matemática que, depois de tomar alguns má decisões na vida, decide sair da cidade, mas antes ele conhece a Bonnie e a história com uma pitada do casal clássico começa.


No ponto de vista dos protagonistas, eles não são nada como os originais B&C, pelo contrário. Eles, ou melhor a Bonnie, é gentil e gosta de ajudar ao próximo e o Finn apenas segue o caminho. Já a mídia, cria uma versão dos fatos baseadas em boatos e mentiras.

Infinito + um é um livro com algumas histórias matemáticas, outras histórias sobre perdas e também sobre abandono. É sobre um garoto e uma garota que estão perdidos, mas quando se juntam, parecem ter encontrado uma razão para continuar.


E com toda essa referência ao icônico casal da década de 1930, eu acreditava que a autora fosse trazer uma pouco da tragédia para o livro, mas não aconteceu da forma impactante que eu esperava, por isso dei quatro estrelas ao livro.

Mas a história é super bem escrita e os acontecimentos bem desenvolvimentos, assim como a evolução dos personagens.


É um livro que eu super recomendo, mas se você está procurando uma drama trágico, BelezaPerdida, da mesma autora, talvez seja o que você precisa.

E esses são os meus pensamentos sobre Infinito + um. E, no momento, o meu pensando é que eu desejo muito que a autora vem ao Brasil esse ano <3

Já leu Amy Harmon ou está na sua wishlist? Conta aqui nos comentários :)


Mil beijos,

You Might Also Like

0 comentários