RESENHA: CINDERELA POP, de Paula Pimenta

08:00

Editora: Galera Record
Autor: Paula Pimenta
Paginas: 160
Estrelas: 4/5
GOODREADS | SKOOB | AMAZON | SUBMARINO

Cinderela Pop - Nesta versão estendida do super conto de Paula Pimenta no Livro das Princesas, Cinderela é reinventada. Cintia é uma princesa dos dias atuais: antenada, com opiniões próprias, decidida e adora música! Mas a garota vê seu cotidiano virar de cabeça para baixo depois da separação dos pais: vai morar com a tia, se afasta do pai e, principalmente, deixa de acreditar no amor. Até que um encontro inesperado e revelador a faz rever as próprias escolhas – havia mesmo um belo príncipe em sua história, e tudo que ele mais queria era descongelar o coração da nossa gata (nada) borralheira!




Um belo domingo eu não queria começar nenhum livro, mas queria ler lá vai Lia indecisa – então resolvi começar Cinderela Pop que estava encalhado na minha pilha eterna de TBR desde abril. 



Li o livro em pouca hora e que fofura tanto a história quanto a escrita da Paula. Eu já tinha gostado muito do Princesa Adormecida, mas Cinderela Pop foi muito melhor - na minha opinião. Eu não li o conto sobre a história no livro das princesas, e quando eu comprei esse livro, achei que fosse ficar perdida, mas depois fiquei sabendo que não interfere em nada, e realmente isso não acontece. 

O livro conta a história da Cíntia, que aparece no Princesa Adormecida como DJ Cinderela, mas esse livro conta como ela virou a DJ e tudo que ela passou. Bom, a Cíntia é uma menina de 17 anos que descobriu o pai traindo a mãe que gerou uma grande mudança na sua vida: ela foi morar com a tia, brigou com o pai, a mãe começou a viajar mais a trabalho, o pai casou com a amante e "adotou" as filhas gemas da mesma... Um pouca Cinderela ai levando em conta que a madrasta faz de tudo para colocar o pai contra a filha. 

Com tudo isso acontecendo, Cíntia encontra um refugio sendo DJ na empresa do namorado da Tia - sem o pai saber. E um dos seus trabalho, ela acaba conhecendo o Fredy Prince, um cantor super popular - mas quando eles se conhecem, ambos estão fantasiados. Claro que rola toda aquela coisa previsível depois: ela some a meia noite, perde o sapatinho - mas nesse caso é um all-star preto decorado - e ele usa o mundo para encontra-la. 
"[...] Às vezes uma pessoa especial pode estar bem na nossa frente e não conseguimos enxergar pelo fato de ela estar escondida atras de um disfarce, fingindo ser quem não é..."
Esse foi o meu resumo :) E o melhor da história foi como a Paula me deixou tensa em várias ocasiões, antecipando e torcendo pelos próximos acontecimentos. O desenvolvimento dos personagens também e como as relações foram criadas: de maneira simples e natural. 

Pelo final e por varias coisas que aparecem no livro, eu tenho muita certeza que o próximo será a releituras da Bela e a fera e vou dizer: estou louca por esse livro. Pelos trechinhos que temos em Cinderela Pop da próxima protagonista, eu já adorei demais!! 

É fã da Paula Pimenta? Me conta aqui em baixo!! E eu não vejo a hora de ler mais livros dela >3 

Mil beijos, 

You Might Also Like

0 comentários