[LEITURAS DO MÊS] Novembro 2014 | @jessdag_

14:30


Novembro pra mim (e pra Lia, que é da minha sala, haha) só significa uma coisa: FINAL DE PERÍODO. Ou algumas outras coisas, como provas, seminários, resenhas críticas, resumos críticos, preparo de aulas... esse ano teve até conta... Entre outros infernos. Óbvio que eu li pouco e ainda mais óbvio que eu não consegui ler todos daquela listinha que eu fiz no TBR de final de ano. Pena que eu li outros no lugar... FOCO, cadê você?

Então cá estão minhas leituras de novembro... pouca coisa, pouca coisa... E nem estou colocando na ordem, porque né?

De início eu tentei seguir minha linha do TBR e li o While it Lasts e o Just For Now, da série Sea Breeze da Abbi Glines. São dois livros bons, mesmo que ainda não tenha rolado aquela identificação com a série... Aí eu comecei o Sometimes it Lasts e... GLINES, PRA QUÊ? Pense num livro sem contribuição pra série: e pense num plot que a Glines teve e achou que desenvolveria melhor no Rosemary Beach. Foi o que aconteceu.

Em seguida li o Breakable, que já tem resenha aqui e eu nem preciso falar. Delícia de livro, de Landon, de Lucas.

Depois li o To All The Boys I've Loved Before.., e achei fofo. Só. A história é bobinha e às vezes é sem noção. Vai ter uma continuação e eu espero que melhore. Ele é um Young Adult com mais foco no Young que no Adult, haha.

Então eu li o Archer's Voice, e ele tirou a minha voz (ba dum tss), é um livro bem sensível sobre as dificuldades de superar o passado e aprender a viver. Bem lindo. E Archer <3

Depois li Maybe Not, a maravilhosa novella da maravilhosa CoHo. É um livro curtinho, spin off do Maybe Someday, que conta a história do Warren e da BitchBridgette.

Em seguida li o I'll Give You The Sun, que foi meu queridinho do mês. Jandy Nelson é um amor e a história de Jude e Noah me conquistou demais, por não ser um romance, mas uma história puramente fraternal. É lindo, é sensível, fala sobre como sentimentos (e acontecimentos) normais e, às vezes, não tão nobres, podem modificar a gente.

Quando eu me apaixono por uma autora, eu faço o quê? Isso mesmo, leio tudo dela (e acabo saindo da minha lista super programada). Acabei lendo o queridinho da internet, o The Sky Is Everywhere, que é bem lindo e sensível também. Ele já tem traduzido e foi lançado pela Novo Conceito. Quero o livro físico ASAP.

Aí eu decidi reler o Mar da Tranquilidade, porque o meu livro físico chegou e eu não tinha lido ele traduzido ainda, haha. Mas esse não conta e vocês podem ver a resenha dele aqui.

E agora em dezembro estou toda enrolada com as minhas leituras, relendo o Maybe Someday... nostalgia, seu nome é Jess.

E vocês, o que leram esse mês? Fala pra mim no facebook!

You Might Also Like

0 comentários